Stédile não acredita em impeachment de Dilma

15 de fevereiro de 2015 at 5:17 pm Deixe um comentário

Postado: Rede Brasil Atual

Ouça aqui:

Stédile não acredita em impeachment de Dilma

João Pedro Stédile, da coordenação nacional do MST, não vê possibilidade de impeachment da presidenta Dilma Rousseff, acredita que a política implementada pelo PT no governo federal se esgotou e que os bancos e o setor agromineral é que mandam no país. Para o líder sem-terra há interesses políticos e econômicos por trás das denúncias contra a Petrobrás mas reclama da falta de transparência sobre aos royalties da empresa. Stédile promete batalhar pela reforma política e pela democratização dos meios de comunicação, critica a guinada à direita na composição da equipe ministerial da presidenta Dilma e traça estratégia para a luta contra a privatização da Caixa Econômica Federal. O uso excessivo de agrotóxicos no Brasil, a falta d’água e o acampamento numa fazenda em Goiás de um senador do PMDB do Ceará, também são temas da entrevista exclusiva que Stédile concedeu à Rádio Brasil Atual após análise de conjuntura político-econômica do Brasil que fez nesta segunda-feira (09/02), no Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região. Reportagem Marilu Cabañas. Foto: Brasil de Fato.

Anúncios

Entry filed under: Entrevistas. Tags: .

Quando a execução sumária é legitimada como gol de placa Coordenador da Federação Sindical Mundial debate Cuba, em Santos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


RSS PSOL São Paulo

  • PSOL ingressa com ação de inconstitucionalidade da lei anti-pichação de Doria
    PSOL INGRESSA COM AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ANTI-PICHAÇÃO DE DÓRIA O PSOL São Paulo ingressou na tarde desta quarta-feira, dia 08 de março, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Tribunal de Justiça de São Paulo questionando a Lei Municipal n° 16.612/2017, que instituiu o “Programa de Combate às Pichações” na capital. Aprovada pelo […] […]
  • Nota de repúdio à violência policial que reprimiu ato pacífico na USP
    O PSOL repudia a ação da Polícia Militar que reprimiu violentamente uma manifestação pacífica que ocorria hoje, dia 7 de março de 2017, em frente ao prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP), em função da pauta bomba que seria discutida no Conselho Universitário (CO). Esta reunião do CO tinha como pauta aprovar […]
  • Projeto de pontos de cultura de São Carlos é interrompido unilateralmente pelo MINC: anúncio de um desmonte estadual em São Paulo
    Por Djalma Nery Com a tendência a entender cultura como entretenimento e eventos pontuais, políticas públicas processuais e de fomento prolongado a determinadas linguagens e manifestações artísticas tem se tornado cada vez mais escassas no orçamento público. As escolhas da atual gestão do Ministério da Cultura apontam para um possível desmonte de políticas p […]
  • A Máquina do Tempo
    Por Manoel Francisco Filho Aprendi com Neil deGrasse Tyson que segundo teoria de Albert Aistein seria possível uma curva no tempo e espaço em algum lugar do Universo, haveria possibilidade de proporcionar um portal para outra dimensão. Nunca fui muito bom em Física, abandonei o curso de Processo de Produção no terceiro semestre, esta ignorância […]
  • Desemprego no Brasil é maior entre negras e negros
    Por Joselicio Junior O estudo feito pelo IBGE, divulgado no último dia 23 de fevereiro, sobre a taxa de desemprego no último trimestre de 2016, demonstram como população negra é a mais atingida nos momentos de crise econômica. Segundo os dados, o ano passado fechou com uma taxa média de desemprego de 12%, porém para […]

%d blogueiros gostam disto: