Prefeitura de Itaocara funciona! É o Psol no poder desta cidade e isso faz muita diferença!

20 de novembro de 2013 at 12:52 pm Deixe um comentário

993457_440416866060570_1212323971_n Você é vereador de um município. Você faz oposição ao prefeito. A prefeitura te pede a autorização para gastar uma fatia do orçamento com o pagamento de servidores da Saúde e com a compra de remédios para a população. O que você faz?
Pois é. Em Itaocara, norte do estado do Rio, a Câmara dos Vereadores está bloqueando este pedido feito pelo prefeito, que foi obrigado a SUSPENDER A REMESSA DE MEDICAMENTOS do município. No hospital da cidade, os médicos estão atendendo apenas casos de emergência….

QUANDO O INTERESSE PÚBLICO ENTRA NA UTI Você é vereador de um município. Você faz oposição ao prefeito. A prefeitura te pede a autorização para gastar uma fatia do orçamento com o pagamento de servidores da Saúde e com a compra de remédios para a população. O que você faz? Pois é. Em Itaocara, norte do estado do Rio, a Câmara dos Vereadores está bloqueando este pedido feito pelo prefeito, que foi obrigado a SUSPENDER A REMESSA DE MEDICAMENTOS do município. No hospital da cidade, os médicos estão atendendo apenas casos de emergência. Itaocara é a primeira cidade a ser governada pelo PSOL. Se lá, como podemos ver, ainda encontramos evidências claras da política mais baixa, que deixa o interesse público no fim da fila em nome do mesquinho toma-lá-dá-cá clientelista, encontramos também exemplos da nova forma de fazer política que defendemos. O prefeito Gelsimar Gonzaga, em atitude que demonstra o diálogo transparente entre seu governo e a população, escreveu uma carta aberta que você pode ler abaixo. Chico registrou o documento no plenário da Câmara dos Deputados em Brasília, veja aqui:http://bit.ly/19EfFq9 ‪#‎assessoria‬  “Itaocara, 18 de novembro de 2013 CARTA ABERTA À POPULAÇÃO DE ITAOCARA Há mais de 20 dias que a entrega de remédios está suspensa. Segunda-feira, 18 de novembro, os médicos do Hospital resolveram atender apenas casos de emergência, suspendendo as consultas marcadas anteriormente. Os dois casos ocorrem porque a Câmara de Vereadores está travando a suplementação de recursos, prejudicando o povo trabalhador. A Prefeitura TEM O DINHEIRO, QUER PAGAR, mas depende de autorização da Câmara de Vereadores para fazê-lo! A Prefeitura tem dinheiro para pagar as contas! Para resolver esse problema específico, dependemos que a Câmara aprove o pedido de suplementação que o Governo fez. Suplementação é algo comum e corriqueiro nas administrações. É legal e sempre aconteceu em Itaocara e em todos os lugares. Em 2010, foram aprovados 34%; em 2011 40%; em 2012, 40% também. Esse pedido é apenas uma autorização para a Prefeitura gastar o seu próprio dinheiro e investir em ações básicas e importantes: como remédios e com salários. Como dobramos o número de médicos, aumentamos o salário deles e dobramos o número de remédios que são entregues à população, é necessário adicionar o orçamento da saúde. Alguém é contra isso? Alguém é contra que se invista mais em saúde? Nós queremos investir mais nas áreas sociais. Por isso estamos buscando mais recursos federais/estaduais e lutamos contra o ajuste aplicado por meio da Lei de Responsabilidade Fiscal. Quando se trata de saúde e de pagamento dos servidores não se pode ter disputa! Há duas semanas atrás fiz um convite para uma reunião com todos os vereadores, mas infelizmente só dois compareceram. Nos últimos dias fui pessoalmente à Câmara, várias vezes, além de enviar diversos secretários para explicar a importância e a urgência para que a suplementação seja aprovada. Fui pedir em nome do povo e dos trabalhadores da cidade, em especial dos mais carentes. Mesmo com esse esforço, até agora o pedido nem foi colocado na pauta de votação. Quero compartilhar com a população de Itaocara que, caso os vereadores não nos autorizem a fazer esses gastos, não poderemos entregar remédios e não haverá como pagar os médicos. Além disso, os servidores de Itaocara podem ficar sem pagamento. O pedido de suplementação não é um favor ao Prefeito, e se não for votado irá prejudicar toda a população de Itaocara. Por isso, aguardamos o posicionamento dos vereadores, fazendo um apelo ao bom senso. Para ver a suplementação aprovada é necessário que os trabalhadores, a juventude e o povo se mobilizem e se auto-organizem (fortalecendo sindicatos, criando associações e grêmios, construindo assembleias populares, etc). Precisamos lotar a câmara na próxima sessão, chamado especial que faço aos médicos, aos servidores públicos, aos jovens e aos usuários da saúde publica. Está nas mãos da Câmara! Quero reafirmar que estou à disposição para dialogar com a Câmara e com os vereadores sobre os projetos de interesse do povo. Se há problemas, temos que resolvê-los. Proponho que a relação da Prefeitura com a Câmara seja pública e transparente, que façamos reuniões abertas, que possam ter atas e relatorias que sejam assinadas por todos e divulgadas para a população e na internet, pois a população tem o direito de saber quais são as conversas que seu Prefeito e seus vereadores fazem. Ao mesmo tempo deve ter espaço para dizer o que os seus representantes devem fazer. Se não se propõe nada de errado nessas conversas, não há porque não divulgá-las e temê-las. Podemos, ainda, transformá-las em audiências publicas ou assembleias onde o povo organizado decida. É por meio dessa forma nova e diferente que Itaocara deve ser governada. Esperamos que a próxima sessão aprove a suplementação e que resolvamos este problema.

Gelsimar Gonzaga – Prefeito de Itaocara.” PSOL “Partido Socialismo e Liberdade

Anúncios

Entry filed under: Psol. Tags: .

Dia da Consciência Negra: Movimentos saem às ruas pelo fim do genocídio da juventude Sem respostas para o transporte, governos não abrem mão de reprimir lutas sociais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


RSS PSOL São Paulo

  • PSOL ingressa com ação de inconstitucionalidade da lei anti-pichação de Doria
    PSOL INGRESSA COM AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ANTI-PICHAÇÃO DE DÓRIA O PSOL São Paulo ingressou na tarde desta quarta-feira, dia 08 de março, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Tribunal de Justiça de São Paulo questionando a Lei Municipal n° 16.612/2017, que instituiu o “Programa de Combate às Pichações” na capital. Aprovada pelo […] […]
  • Nota de repúdio à violência policial que reprimiu ato pacífico na USP
    O PSOL repudia a ação da Polícia Militar que reprimiu violentamente uma manifestação pacífica que ocorria hoje, dia 7 de março de 2017, em frente ao prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP), em função da pauta bomba que seria discutida no Conselho Universitário (CO). Esta reunião do CO tinha como pauta aprovar […]
  • Projeto de pontos de cultura de São Carlos é interrompido unilateralmente pelo MINC: anúncio de um desmonte estadual em São Paulo
    Por Djalma Nery Com a tendência a entender cultura como entretenimento e eventos pontuais, políticas públicas processuais e de fomento prolongado a determinadas linguagens e manifestações artísticas tem se tornado cada vez mais escassas no orçamento público. As escolhas da atual gestão do Ministério da Cultura apontam para um possível desmonte de políticas p […]
  • A Máquina do Tempo
    Por Manoel Francisco Filho Aprendi com Neil deGrasse Tyson que segundo teoria de Albert Aistein seria possível uma curva no tempo e espaço em algum lugar do Universo, haveria possibilidade de proporcionar um portal para outra dimensão. Nunca fui muito bom em Física, abandonei o curso de Processo de Produção no terceiro semestre, esta ignorância […]
  • Desemprego no Brasil é maior entre negras e negros
    Por Joselicio Junior O estudo feito pelo IBGE, divulgado no último dia 23 de fevereiro, sobre a taxa de desemprego no último trimestre de 2016, demonstram como população negra é a mais atingida nos momentos de crise econômica. Segundo os dados, o ano passado fechou com uma taxa média de desemprego de 12%, porém para […]

%d blogueiros gostam disto: