PM invade Museu do Índio com balas de borracha e gás lacrimogêneo

22 de março de 2013 at 10:00 pm Deixe um comentário

PM-invade-museu-do-indio_Tânia-Rêgo_ABr

Ação ocorreu no final da manhã desta sexta-feira (22) por 200 policiais do Bope; manifestantes e jornalistas ficaram feridos .

22/03/2013 – da Redação Brasil de Fato

Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar invadiram, com spray de pimenta e gás lacrimogêneo, o prédio do antigo Museu do Índio, ao lado do Estádio do Maracanã (RJ). Tiros de balas de borracha também foram disparados. Manifestantes e jornalistas ficaram feridos. A invasão ocorreu no final da manhã desta sexta-feira (22) por 200 policiais do Bope. 
A ação da PM ocorreu após terminar uma negociação, que começou às 3h da madrugada com a chegada do Choque. Pouco antes das 11h, os policiais começaram a desfazer o cerco, dando indício de que havia um acordo. Porém, pouco depois, às 11h30, o clima ficou tenso. Um grupo ateou fogo em uma oca erguida no terreno e, logo em seguida, o Choque invadiu o local.

PM-invade-museu-do-índio_Reprodução

200 policiais do Bope invadiram hoje (22) o Museu do Índio. Na foto, indígenas seguram um bebê. Foto: Reprodução

Segundo o coronel Frederico Caldas, a decisão de entrar no antigo museu ocorreu por causa do incêndio, pois alegou que o fogo estava se alastrando pelas árvores. Todos os índios saíram, deixando o imóvel vazio. 
Copa
A polêmica sobre o destino do espaço começou em outubro de 2012, quando o governo do estado anunciou mudanças no entorno do Maracanã, para que o estádio pudesse receber a Copa das Confederações, em 2013, a Copa do Mundo, em 2014, e a Olimpíada, em 2016. 
Pelo projeto da Casa Civil, o Maracanã seria transferido para a iniciativa privada, que deveria construir um estacionamento, um centro comercial e áreas para saída do público. Para isso, alguns prédios ao redor do estádio deveriam ser demolidos, entre eles o casarão do antigo Museu do Índio, que funcionou no local de 1910 até 1978.

Construído no século 19, o prédio abrigou o Serviço de Proteção ao Índio, comandado pelo Marechal Candido Rondon. Já como museu, o local teve entre seus diretores o antropólogo Darcy Ribeiro. O grupo de indígenas que ocupava o prédio – e deu ao museu o nome de Aldeia Maracanã – estava no local desde 2006.

Entenda o que está em jogo nos dois vídeos abaixo:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=tHNTZ2WLAmw

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=kfeQvcSTBhc#!

Anúncios

Entry filed under: Nacional, Notícias. Tags: .

Curso “ As Ideias Políticas Rosa Luxemburgo” Cabral invade a aldeia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


RSS PSOL São Paulo

  • PSOL ingressa com ação de inconstitucionalidade da lei anti-pichação de Doria
    PSOL INGRESSA COM AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ANTI-PICHAÇÃO DE DÓRIA O PSOL São Paulo ingressou na tarde desta quarta-feira, dia 08 de março, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Tribunal de Justiça de São Paulo questionando a Lei Municipal n° 16.612/2017, que instituiu o “Programa de Combate às Pichações” na capital. Aprovada pelo […] […]
  • Nota de repúdio à violência policial que reprimiu ato pacífico na USP
    O PSOL repudia a ação da Polícia Militar que reprimiu violentamente uma manifestação pacífica que ocorria hoje, dia 7 de março de 2017, em frente ao prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP), em função da pauta bomba que seria discutida no Conselho Universitário (CO). Esta reunião do CO tinha como pauta aprovar […]
  • Projeto de pontos de cultura de São Carlos é interrompido unilateralmente pelo MINC: anúncio de um desmonte estadual em São Paulo
    Por Djalma Nery Com a tendência a entender cultura como entretenimento e eventos pontuais, políticas públicas processuais e de fomento prolongado a determinadas linguagens e manifestações artísticas tem se tornado cada vez mais escassas no orçamento público. As escolhas da atual gestão do Ministério da Cultura apontam para um possível desmonte de políticas p […]
  • A Máquina do Tempo
    Por Manoel Francisco Filho Aprendi com Neil deGrasse Tyson que segundo teoria de Albert Aistein seria possível uma curva no tempo e espaço em algum lugar do Universo, haveria possibilidade de proporcionar um portal para outra dimensão. Nunca fui muito bom em Física, abandonei o curso de Processo de Produção no terceiro semestre, esta ignorância […]
  • Desemprego no Brasil é maior entre negras e negros
    Por Joselicio Junior O estudo feito pelo IBGE, divulgado no último dia 23 de fevereiro, sobre a taxa de desemprego no último trimestre de 2016, demonstram como população negra é a mais atingida nos momentos de crise econômica. Segundo os dados, o ano passado fechou com uma taxa média de desemprego de 12%, porém para […]

%d blogueiros gostam disto: