João Paulo PT e Celso Giglio PSDB batem recordes de rejeição

11 de maio de 2012 at 9:00 am Deixe um comentário

Pesquisa divulgada sobre as eleições de Osasco mostram que tanto João Paulo (PT) como Celso Giglio (PSDB) são campeões no quesito rejeição, o petista é rejeitado por 27% dos eleitores, já o tucano por 26,43%. Enquanto 23,86% ainda não sabem em quem votar. A pesquisa foi realizada por um Instituto chamado Sebram, sob encomenda do Jornal Diário da Região.

O pré-candidato do PSOL, Alexandre Castilho, aparece com 1% de intenção de votos nesta pesquisa. Celso Giglio lidera com 33,57% e João Paulo tem 26,29%.

Vale destacar que tanto a máquina petista, apoiada na administração municipal e numa mega coligação de partidos governistas, como a tucana, já estão em ação, gastando muito para tentar convencer os eleitores e principalmente reduzir a grande rejeição.

O quadro eleitoral do município deixa claro que os candidatos que aparecem como principais neste momento e que dispõem de um grande aparato de recursos para a campanha não conseguem empolgar os eleitores.

João Paulo ainda está marcado por seu envolvimento no escândalo do mensalão e deverá ser julgado ainda este ano pelo STF. Celso Giglio é uma figura pública desgastada, que já sofreu duas derrotas seguidas para prefeito e vem de uma administração desastrosa, ineficiente e cheia de apadrinhados, um modelo que traz péssimas lembranças.

Além da rejeição do João Paulo e do Celso Giglio, chama atenção o número de eleitores que ainda não optaram, esse índice é bem maior do que na cidade de São Paulo, onde segundo pesquisa do Ibope divulgada hoje, apenas 10% dos eleitores ainda não fizeram a sua escolha.

Num quadro como este, ganha maior importância uma candidatura alternativa, independente, que não tem rabo preso com as políticas de cartas marcadas. A população de Osasco dá sinais que ainda persegue a mudança, tão propalada e prometida nos últimos anos, mas que nunca veio, já que o PT se limitou a fazer uma administração tradicional e ineficiente, loteando a prefeitura com partidos de direita para garantir seu controle da máquina administrativa.

O PSOL quer dialogar com a população as melhores propostas para o município e a construção de uma alternativa política para derrotar os grupos que sempre estiveram no poder municipal, seja com Giglio seja com o PT. É hora de mudança, vamos à luta!

Anúncios

Entry filed under: Política. Tags: .

STF e Cotas: Um precedente para a Utopia (I) Eleições na Grécia: grande derrota do FMI, e grande vitória da Auditoria Cidadã da Dívida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


RSS PSOL São Paulo

  • PSOL ingressa com ação de inconstitucionalidade da lei anti-pichação de Doria
    PSOL INGRESSA COM AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ANTI-PICHAÇÃO DE DÓRIA O PSOL São Paulo ingressou na tarde desta quarta-feira, dia 08 de março, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Tribunal de Justiça de São Paulo questionando a Lei Municipal n° 16.612/2017, que instituiu o “Programa de Combate às Pichações” na capital. Aprovada pelo […] […]
  • Nota de repúdio à violência policial que reprimiu ato pacífico na USP
    O PSOL repudia a ação da Polícia Militar que reprimiu violentamente uma manifestação pacífica que ocorria hoje, dia 7 de março de 2017, em frente ao prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP), em função da pauta bomba que seria discutida no Conselho Universitário (CO). Esta reunião do CO tinha como pauta aprovar […]
  • Projeto de pontos de cultura de São Carlos é interrompido unilateralmente pelo MINC: anúncio de um desmonte estadual em São Paulo
    Por Djalma Nery Com a tendência a entender cultura como entretenimento e eventos pontuais, políticas públicas processuais e de fomento prolongado a determinadas linguagens e manifestações artísticas tem se tornado cada vez mais escassas no orçamento público. As escolhas da atual gestão do Ministério da Cultura apontam para um possível desmonte de políticas p […]
  • A Máquina do Tempo
    Por Manoel Francisco Filho Aprendi com Neil deGrasse Tyson que segundo teoria de Albert Aistein seria possível uma curva no tempo e espaço em algum lugar do Universo, haveria possibilidade de proporcionar um portal para outra dimensão. Nunca fui muito bom em Física, abandonei o curso de Processo de Produção no terceiro semestre, esta ignorância […]
  • Desemprego no Brasil é maior entre negras e negros
    Por Joselicio Junior O estudo feito pelo IBGE, divulgado no último dia 23 de fevereiro, sobre a taxa de desemprego no último trimestre de 2016, demonstram como população negra é a mais atingida nos momentos de crise econômica. Segundo os dados, o ano passado fechou com uma taxa média de desemprego de 12%, porém para […]

%d blogueiros gostam disto: