Aprovada audiência pública sobre Pinheirinho

16 de março de 2012 at 4:11 pm Deixe um comentário

Postado: Psol SãoPaulo

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias aprovou, nesta quarta-feira 14, a realização de audiência pública para averiguar as denúncias de violação de direitos humanos durante a desocupação de Pinheirinho, em São José dos Campos (SP). O debate foi proposto pelos deputados Ivan Valente, Chico Alencar e Jean Wyllys.

A bancada do PSOL solicita a presença de moradores que foram expulsos do Pinheirinho – Juliana Silva da Cruz, Sérgio Henrique Pires, Leila dos Santos Figueiredo, Vanderlei P. dos Santos, Valdir Martins de Souza e Noemi Marcelino dos Santos Pires –, do advogado dos moradores, Antônio Donizete Ferreira, do defensor público de São Paulo, Jairo Salvador, da relatora especial da ONU para a moradia adequada, Raquel Rolnik, do promotor do Ministério Público de São Paulo que acompanha o caso, da juíza da 6ª Vara Cível de São José dos Campos, Márcia Loureiro, do juiz do Tribunal de Justiça de São Paulo, Rodrigo Capez, do juiz da 18ª Vara Cível de São Paulo, Luiz Bethoven Giffoni Ferreira, e do prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury (PSDB). Provavelmente, a audiência pública acontecerá em duas partes, devido à quantidade de pessoas convidadas.

O bairro do Pinheirinho foi desocupado com forte aparato policial nas primeiras horas do dia 22 de janeiro, um domingo. Os moradores denunciam que os policiais utilizaram armas letais para forçar as famílias a saírem de suas casas, o uso indiscriminado de bombas de gás lacrimogêneo e de balas de borracha, a violência física contra mulheres grávidas, crianças e idosos, o impedimento de buscarem seus móveis e eletrodomésticos e a destruição de centenas de casas com tudo dentro.

O Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana de SP (Condepe) recebeu mais 1,8 mil denúncias de violação dos direitos humanos no Pinheirinho. Relatório elaborado pelo Condepe aponta que houve violência por parte da Polícia Militar de SP e da Guarda Municipal de São José dos Campos. Foram ouvidas 634 moradores que relataram humilhações, agressões físicas, mortes de animais e que casas foram demolidas antes da retirada dos pertences pessoais.

Audiência conjunta

Outra desocupação violenta também será tema de debate em audiência pública conjunta com a discussão do ocorrido em São José dos Campos. A desocupação foi feita pelo governo do Distrito Federal, no dia 27 de janeiro, na Fazenda Sálvia, que fica entre Sobradinho e Paranoá, cidades satélites de Brasília. Segundo informações da imprensa, 29 pessoas foram presas na operação e 450 casas derrubadas. O debate conjunto foi proposto pelo deputado Luiz Fernando Machado.

Anúncios

Entry filed under: Notícias. Tags: .

Segundo sindicatos, 17 Estados ainda não pagam o piso salarial para professores Aos 87 anos, morre o Prof. Aziz Ab’Saber

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


RSS PSOL São Paulo

  • PSOL ingressa com ação de inconstitucionalidade da lei anti-pichação de Doria
    PSOL INGRESSA COM AÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ANTI-PICHAÇÃO DE DÓRIA O PSOL São Paulo ingressou na tarde desta quarta-feira, dia 08 de março, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Tribunal de Justiça de São Paulo questionando a Lei Municipal n° 16.612/2017, que instituiu o “Programa de Combate às Pichações” na capital. Aprovada pelo […] […]
  • Nota de repúdio à violência policial que reprimiu ato pacífico na USP
    O PSOL repudia a ação da Polícia Militar que reprimiu violentamente uma manifestação pacífica que ocorria hoje, dia 7 de março de 2017, em frente ao prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP), em função da pauta bomba que seria discutida no Conselho Universitário (CO). Esta reunião do CO tinha como pauta aprovar […]
  • Projeto de pontos de cultura de São Carlos é interrompido unilateralmente pelo MINC: anúncio de um desmonte estadual em São Paulo
    Por Djalma Nery Com a tendência a entender cultura como entretenimento e eventos pontuais, políticas públicas processuais e de fomento prolongado a determinadas linguagens e manifestações artísticas tem se tornado cada vez mais escassas no orçamento público. As escolhas da atual gestão do Ministério da Cultura apontam para um possível desmonte de políticas p […]
  • A Máquina do Tempo
    Por Manoel Francisco Filho Aprendi com Neil deGrasse Tyson que segundo teoria de Albert Aistein seria possível uma curva no tempo e espaço em algum lugar do Universo, haveria possibilidade de proporcionar um portal para outra dimensão. Nunca fui muito bom em Física, abandonei o curso de Processo de Produção no terceiro semestre, esta ignorância […]
  • Desemprego no Brasil é maior entre negras e negros
    Por Joselicio Junior O estudo feito pelo IBGE, divulgado no último dia 23 de fevereiro, sobre a taxa de desemprego no último trimestre de 2016, demonstram como população negra é a mais atingida nos momentos de crise econômica. Segundo os dados, o ano passado fechou com uma taxa média de desemprego de 12%, porém para […]

%d blogueiros gostam disto: